TERÇA FEIRA, 08 de janeiro

O Instituto de Conservação de Natureza e das Florestas (ICNF) admite a necessidade de serem tomadas novas medidas para prevenir o atropelamento de linces no concelho de Mértola.

Na semana passada foi encontrado mais um lince-ibérico morto na estrada nacional 122, a cerca de 10 km de Mértola, junto à Herdade da Cela, com “sinais de atropelamento”. Foi o segundo caso registado naquele local já apontado como um “ponto nego”.

Pedro Rocha, coordenador do Instituto de Conservação de Natureza e das Florestas no Alentejo, frisa que já foram tomadas algumas medidas.

O mesmo responsável considera “que é necessário que se continuem a desenvolver medidas e a encontrar soluções para que a mortalidade não aconteça desta forma”.

Ainda assim, a mortalidade é “inferior ao expectável”, garante Pedro Rocha. O processo de reintrodução do lince-ibérico continua “no bom caminho” pois a taxa de mortalidade é “relativamente baixa”, frisa o mesmo responsável.

Fonte: Rádio Pax